As mais vistas

CARAGUATATUBA

03_Na habitação, Caraguá estimula a planta popular, que facilita a população de baixa renda a ter a casa própria-Divulgação - Cópia

PESQUISA FIRJAN: município de Caraguatatuba é considerada a 10ª melhor cidade do Estado de São Paulo na Gestão e Responsabilidade Fiscal

Nacionalmente, a cidade está na 36° posição entre os 5.570 municípios

De família lorenense, Antonio Carlos da Silva, 58 anos, nasceu em Jacareí (SP) e com um ano de idade retornou à Lorena (SP), onde passou sua infância e juventude e iniciou sua vida profissional.

Em 1996, venceu as eleições municipais pelo PSDB. Reeleito em 2000, deu continuidade a uma administração dinâmica, que transformou Caraguá – como a cidade é conhecida – em capital do Litoral Norte, tornando-a referência nos cenários regional, estadual e nacional, rendendo-lhe o importante prêmio “Tucano de Ouro”.

Em 2006, foi eleito deputado estadual com mais de 94 mil votos. Concorreu novamente, em 2008, ao cargo de prefeito e foi eleito com 50% dos votos. Em 2012, sua última reeleição, obteve a maior votação da cidade (54,15% dos votos).

Pesquisas da FIRJAN (Federação das Indústrias do Rio de Janeiro) avaliaram positivamente a gestão fiscal e aplicação do dinheiro público. Em 2015, a federação divulgou dados referentes a 2013, que mostraram Caraguá como a 10ª melhor cidade do Estado e a 36ª do país entre 5.570 municípios brasileiros.

Confira a entrevista exclusiva com o prefeito de Caraguatatuba, Antonio Carlos:

Prefeitos e Governantes: O atual cenário econômico do país não é dos melhores. Caraguatatuba encontrou maneiras de lidar com isso e continuar investindo no desenvolvimento?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: Em Caraguá sempre administramos com responsabilidade e preocupação com a questão fiscal. Não é a toa que Caraguá está na 10ª posição no Estado de São Paulo e 36ª no Brasil em Gestão Fiscal. Esses dados foram divulgados recentemente pela Firjan – Federação das Indústrias do Rio de Janeiro.

Caraguatatuba ainda tem poder de investimento com recursos próprios. A cidade tem um grande potencial turístico e à medida que você melhora a infraestrutura, melhora a qualidade de vida e atrai mais gente para vir e consumir.

Prefeitos e Governantes: Qual é a ordem de investimento que Caraguá tem?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: Para este ano, estamos investindo no município em torno de R$ 80 milhões em saúde, educação e obras. Isso significa 20% do orçamento, o que é bastante significativo.

Prefeitos e Governantes: A gastronomia e o turismo estão sendo trabalhados de maneira unificada pela Prefeitura de Caraguatatuba, para que o dinheiro circule no município, o que faz com que a população se integre nessa atividade de geração de renda. O senhor acredita que esse é o caminho para desenvolver a atividade econômica dentro de um município?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: Não tenho dúvidas. Desenvolver a gastronomia é potencializar ainda mais nosso turismo. Nós temos uma culinária muito apreciada pelos turistas. Além dos frutos do mar oferecidos pelos quiosques, possuímos também um prato típico muito famoso por aqueles que frequentam nossa região, o “Azul Marinho”, um peixe de carne branca com banana verde que no final do cozimento ganha uma cor azulada e um sabor delicioso. Além dos pratos oferecidos, os turistas também podem apreciar nossas belezas naturais, o turismo náutico, ecológico, os esportes na praia, shows e eventos culturais que acontecem no Teatro Mario Covas, um dos melhores teatros do Estado de São Paulo e do país. Tudo isso favorece nossos hotéis, pousadas, restaurantes, comércio e potencializa o desenvolvimento econômico.

Prefeito e Governantes: Você acredita nessa estruturação de capacitar a população para atividades turísticas e conseguir não só potencializar a economia mas trazer empoderamento e empregabilidade no município?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: A capacitação é fundamental. Hoje, nós temos várias opções de cursos educacionais, desde profissionalizantes até pós-graduação. Contamos com Instituições como IFSP – Instituto Federal de Educação Profissional e Tecnológica de São Paulo; a Etec – Escola Técnica Estadual, que trouxemos agora; Senai – Serviço Nacional de Aprendizado Industrial; FAAP – Fundação armando Álvares Penteado; Universidade Cruzeiro do Sul e Centro Universitário Módulo; com o Sebrae -Serviço de Apoio à Micro e Pequenas Empresas e os cursos oferecidos pela Prefeitura, por meio do Fundo Social de Solidariedade.

Prefeitos e Governantes: A presença de empresas em uma cidade é fundamental para incrementar o desenvolvimento econômico. A Prefeitura tomou alguma medida para tornar Caraguatatuba mais atraente às empresas e comércios?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: Fizemos a lei complementar 57, de 15 de junho de 2015, já aprovada, que incentiva a vinda de empresas para o município, com uma série de isenções, inclusive até doações de áreas. Agora estamos encaminhando uma lei para Câmara que isenta à construção civil de qualquer tributação, construção horizontal e vertical. Você isenta todos os tributos municipais, para incentivar o investimento na área de construção. É como eu disse anteriormente: tudo que um país precisa é de desenvolvimento para geração de emprego e renda, e Caraguatatuba está focada em ser uma facilitadora na geração de emprego e atrair investidores.

Prefeitos e Governantes: Que tipo de empresas o senhor gostaria que Caraguatatuba pudesse ter?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: Hoje nós possuímos 80% da Mata Atlântica preservada e temos uma preocupação muito grande em continuar protegendo nosso bem mais precioso. Com isso, queremos muito a instalação de empresas que também tenham essa preocupação, empresas não poluentes e que não degradem o meio ambiente.

Prefeito e Governantes: E na educação, há projetos para ampliar o ensino superior e tecnológico?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: Hoje nós contamos com entidades de ensino superior privada e com o IFSP. Estamos lutando para trazer a Faculdade de Tecnologia (Fatec) e também para novas iniciativas privadas. Sabemos que hoje há essa necessidade. Só de Caraguá partem mais de oito ônibus por dia transportando alunos para o Vale do Paraíba. Se tivermos mais ofertas de cursos superiores aqui no município, também poderemos atender toda a região.

Prefeitos e Governantes: Na cidade, há um programa habitacional que isenta a população de taxas e facilita a burocracia para construção de residências. De onde surgiu essa necessidade de aprimorar a situação habitacional?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: O poder público é um facilitador, principalmente para a habitação de baixa renda. Nós somos parceiros nesse sentido. A planta popular é um projeto já aprovado de casa térrea com no máximo 70m², isento da taxa de análise e de elaboração de projeto. O munícipe precisa solicitar o benefício da planta popular no Setor de Protocolo do Paço Municipal. Após a aprovação do pedido, o interessado deve escolher entre os 14 modelos de projetos existentes na Secretaria de Urbanismo. O cidadão deve residir há pelo menos dois anos em Caraguatatuba e o imóvel deve estar sem nenhum tipo de construção. Os valores das taxas e emolumentos variam de R$ 121 a R$ 143.

Prefeitos e Governantes: Quais são as perspectivas da sua gestão para o próximo ano?

Prefeito Antonio Carlos da Silva: Melhorar as nossas escolas, melhorar as políticas para os idosos, melhorar nossa Saúde e em diversos setores.

Estamos agora, descobrindo um grande atrativo turístico, que é um mirante natural no alto do morro da Prainha. Algo novo para Caraguá. Até o final do ano que vem 70% do município deve estar com iluminação em LED, talvez sejamos os primeiros do Brasil. Isso aumenta a claridade e a segurança para os moradores e para as pessoas que vêm nos visitar. Pretendo também deixar 95% das ruas asfaltadas, cerca de 80% das moradias com coleta e tratamento de esgoto e continuar investindo, melhorando a infraestrutura, as políticas públicas e os eventos para atrair aqueles que vêm passear. É nosso objetivo sempre, desenvolvendo ainda mais o município.

Veja também

Seja o primeiro a comentar em "CARAGUATATUBA"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.

*