SP faz bloqueios em avenidas a partir de segunda (4) para forçar isolamento; veja os locais

A gestão Bruno Covas (PSDB) começará a fazer bloqueios em avenidas importantes da capital a partir desta segunda-feira (4) com objetivo de reduzir a circulação de pessoas.

O movimento na cidade preocupa autoridades, que tentam reduzir a curva de contágio para não sobrecarregar o sistema de saúde. Nesta segunda, também começa a obrigatoriedade de circular nos ônibus, aplicativos de carona e táxis usando máscaras.

Quatro grandes corredores terão apenas uma faixa de rolamento aberta aos veículos, devido em operação da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), com a Polícia Militar e GCM (Guarda Civil Metropolitana).

As interdições, nesta segunda, das 7h às 9h, serão na avenida Moreira Guimarães com Miruna (zona sul); Santos Dumont com avenida do Estado (zona norte); Radial Leste com rua Pinhalzinho (zona leste); e Francisco Morato com rua Sapetuba.

No mesmo dia, também haverá blize educativas, das 7h às 9h, na avenida Vital Brasil com rua Camargo e na avenida João Paulo I, altura do 2.868; ambas na zona oeste.

O índice de isolamento social vem caindo no estado, o que preocupa autoridades. Nesta sexta-feira (1º), um feriado, ele foi de 56%. Na quinta-feira (30), porém, essa taxa chegou a 46%, menor marca das últimas semanas.

O poder público espera atingir ao menos 50%, mas o ideal seria a partir de 60%.

Por isso, segundo a prefeitura, se a adesão ao isolamento não aumentar, os bloqueios podem passar a ser feitos durante todo o dia, para aumentar o desestímulo às saídas.

O consultor em transporte e engenheiro Horácio Figueira não vê efetividade na medida para diminuir a circulação na cidade. “Publico errado, horário errado, local errado. Ainda bem pelo menos preservam as faixas de ônibus”, diz.

Para Figueira, no horário e locais previstos para os bloqueios, há uma predominância de pessoas saindo para trabalhar, muitas vezes em serviços essenciais. São pessoas que utilizarão aplicativos como Waze para desviar o trajeto, mas que não deixarão de sair.

“Quem está saindo de carro segunda-feira das 7h às 9h não está indo para o mercado, não está indo passear, está indo trabalhar”, diz. “Vai fazer pessoas chegarem atrasadas em hospitais”.

Segundo ele, quando chegam aos corredores, esses motoristas já estão a alguns quilômetros de casa. “Eu faria justamente ao contrário, das 10h às 16h. Fora do pico, e nos bairros. Não em quatro pontos em que você avisa, mas pulverizado em 50 pontos na cidade”, diz.

Embora possa aumentar os pontos, a prefeitura não fala ainda em bloqueios completos das vias. A Folha apurou que a prefeitura pretende manter uma via livre numa forma de garantir o direito de ir e vir, mesmo que limitado, uma vez que, sem regras claras embasando uma medida mais extrema, poderia haver questionamentos, inclusive judiciais. A CET, no entanto, faz estudos para avaliar todas as possibilidades.

Enquanto isso, o trânsito vem aumentando. No dia 30, a cidade de São Paulo registrou 18 km de congestionamento (fluxo parado de veículos) às 8h30 desta quinta-feira (30), o maior volume desde o dia 24 de março, que marcou o início da quarentena no estado.

Além do congestionamento, a tendência tem sido de crescimento da lentidão no trânsito desde a semana passada. As duas métricas sinalizam aumento do volume de veículos nas ruas e pode indicar que o paulistano está flexibilizando o isolamento, segundo a Secretária de Mobilidade e Transportes da cidade.

MÁSCARAS

Nesta segunda, começa a obrigatoriedade do uso de máscaras nos ônibus, aplicativos de caronas e táxis.

Em caso de desobediência, os passageiros serão advertidos e as empresas serão passíveis de multa. Segundo Covas, a multa para empresas de ônibus que transportarem passageiros sem máscara será de R$ 3.300.

Locais dos bloqueios

  • – Zona Sul: Av. Moreira Guimarães (B/C) x Av. Miruna;
  • – Zona Norte: Av. Santos Dumont (B/C) x Av. do Estado;
  • – Zona Leste: Av. Radial Leste (B/C) X Rua Pinhalzinho;
  • – Zona Oeste: Av. Francisco Morato (B/C) x Rua Sapetuba.

Locais das blitze educativas

  • – Av. Dr. Vital Brasil (B/C) x R. Camargo;
  • – Av. João Paulo I (B/C) altura do n° 2.868
prefeitosegovernantes

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.